SOBRE     |     FALE CONOSCO

LAZER E CULTURA

Conscientização sobre os riscos das drogas: Proerd forma 200 alunos da rede municipal em SFI

POSTADO EM 14/07/2017 08:33:00 POR: VNOTÍCIA

                

A noite desta quarta-feira, 12, foi especial para cerca de 200 alunos da Rede Municipal de Ensino de São Francisco de Itabapoana. Eles receberam os certificados do Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) da Polícia Militar em cerimônia de formatura no Salão Ana Festas.

 

As turmas são do 5º ano e receberam as orientações durante seis meses com o instrutor da PM que pertence ao Programa Educacional. O Proerd, através de atividades educativas em sala de aula, tem como objetivo prevenir o uso abusivo de entorpecentes e a prática de atos de violência.

 

Diversas autoridades prestigiaram a cerimônia, que contou também com a presença da Banda do 8º Batalhão de Polícia Militar (BPM/Campos). O vice-prefeito Cláudio Henriques, representou a prefeita Francimara Azeredo da Silva Barbosa Lemos, que está em tratamento de saúde.

 

“Que bom que podemos fazer algo para tornar o cidadão melhor. Uma parceria tão importante quanto essa para o nosso município, vamos lutar para manter. E a prefeita Francimara quer isso, o preparo dos nossos jovens, das nossas crianças para que possam ter um futuro melhor, e isso eles encontram na educação, na escola. Que cada um, a partir de hoje, leve essa mensagem aos outros colegas, que é saber resistir às drogas”, explanou Cláudio.

 

Aprovação

 

Satisfeita com o resultado do programa, Andrea Lima Gomes Jorge, mãe do estudante Mateus Lima Gomes Jorge, 12 anos, que é deficiente auditivo, não deixou de relatar sua gratidão. “Eu só tenho a agradecer. A Secretaria de Educação e Cultura disponibilizou um professor de libras para Mateus e ele entendia tudo muito bem. Meu filho gostou muito da formação pedagógica e agora saberá resistir”, falou.

 

Já a Jeovana Viana Carvalho, mãe de Caroline de Oliveira Carvalho, 10, apontou a benfeitoria da iniciativa. “Para mim ajudou bastante, porque nos orienta a educar e conscientizar nessa situação em que há muitas drogas no mundo que vivemos. Só tenho a agradecer a todos”, destacou. Caroline não perdeu tempo e logo fez seu comentário. “Eu aprendi muitos coisas que não sabia. Obrigada a todo mundo e ao professor Manoelino”, agradeceu a estudante.

               

Os alunos pertencem às seguintes escolas municipais: Arício Leite Linhares, em Coreia; Décio Machado, em Barra do Itabapoana; Aníbal Abreu Viana, em Buena; Herval Luiz dos Santos Batista, na área central do município; e Moranguinho e Otávio Pinto, na Praia de Santa Clara.

 

Coordenador destaca alcance do programa

 

Em suas palavras, o subtenente João Marcos Alves, coordenador de área do Proerd que pertence ao 6º Comando de Policiamento de Área (CPA), destacou o alcance do programa. “Além da aproximação da Polícia com a sociedade, o programa visa resgatar vidas, orientar e trazer para eles oportunidades para saber resistir. São informações que irão alertar os menores, falar sobre a influência das amizades, drogas ilícitas, entre outros. Eles precisam fazer escolhas corretas. O trabalho do Proerd é ajudar, somar junto e dar uma nova oportunidade com as crianças”, revelou.

 

Pioneirismo

 

O instrutor do Proerd em SFI, sargento Manoelino Abreu, deu explicações da formação. “Esse programa tem atingido muitas escolas no Estado, no Brasil e no mundo. O Estado do Rio de Janeiro é o pioneiro na formação pedagógica. É um esforço cooperativo da PM nas escolas com estudantes do ensino fundamental e oferece estratégias preventivas e potencializa o convívio com as famílias. Desde a sua fundação desde 1992, o Programa Educacional já atendeu mais de um milhão de crianças”, comentou.

 

Andrea e o filho Mateus


Jeovana e a filha Caroline


Subtenente João Marcos Alves           
     

Com informações de Maria Oliveira / Ascom – SFI

Fotos: Wagner Fraga

 

 

Leia mais em LAZER E CULTURA