SOBRE     |     FALE CONOSCO

LAZER E CULTURA

Confira o que rolou no 31º Festival do Maracujá

POSTADO EM 02/08/2017 00:43:00 POR: VNOTÍCIA
Guilherme e Santiago fizeram o show de encerramento (Fotos: Wagner Fraga)
Guilherme e Santiago fizeram o show de encerramento (Fotos: Wagner Fraga)

 

O show da dupla sertaneja Guilherme e Santiago encerrou em grande estilo a 31ª edição do Festival do Maracujá, na localidade de Travessão de Barra, em São Francisco de Itabapoana (SFI), nesse domingo (30). De acordo com a Secretaria Municipal de Turismo, Indústria e Comércio, o evento reuniu mais de 10 mil pessoas desde a noite da última sexta-feira (28).

 

Uma das festas mais tradicionais do município e que faz parte do calendário oficial de SFI, aconteceu no campo de futebol do time Travessão Esporte Clube. Foram oito atrações musicais, entre gospel, sertanejo e forró, e 56 barracas, que disponibilizaram a venda de vestuários e alimentos, por exemplo, além de exposições.

 

No domingo, os participantes da festa puderam participar de uma cavalgada e assistir ao desfile Garota do Festival do Maracujá, que teve três categorias: Infantil, Juvenil e Melhor Idade.

 

Guilherme e Santiago encerraram a noite. “É a primeira vez que a gente se apresenta aqui. A gente está super feliz pela recepção do povo. É sempre um privilégio trazer diversão e entretenimento. É fundamental. Adorei”, opinou Guilherme. Já Santiago ressaltou a animação do público e agradeceu o convite para cantar durante o evento.

 

No último dia do festival, a prefeita Francimara Azeredo da Silva Barbosa Lemos, que também esteve presente na abertura do evento, falou à população. “Sempre participei dessa festa tradicional do nosso município. E hoje fico muito feliz de estar aqui como prefeita desta cidade. A primeira prefeita mulher eleita de SFI. Esse evento foi feito com muito carinho para vocês”, destacou.

 

O Administração Municipal patrocinou toda a infraestrutura e shows e também auxiliou ainda na organização do trânsito e segurança no entorno do festival por intermédio da Empresa Municipal de Trânsito de SFI (Emtransfi), e da Guarda Civil Municipal (GCM), incluindo os agentes do Grupamento de Operações Especiais (GOE).

 

Sexta e sábado - No primeiro dia do evento, se apresentaram nomes da música gospel.  Izael e Pedrinho Banda foram os primeiros. Depois, foi a vez de Carlos Queiroz; do Ministério Servos, da Primeira Igreja Batista de Guaxindiba (PIBG); do cantor Matos Nascimento; e por fim, do Ministério Luz.

 

Mazinho e os Forrozeiros e Banda e a cantora de forró e sertanejo, Michele Freire, foram os responsáveis pela música no sábado (29).

 

O secretário municipal de Turismo, Indústria e Comércio, Augusto Alves, destacou que os três dias transcorreram sem confusões. “A edição deste ano reascendeu o clima de confraternização entre os presentes. Além disso, a parte comercial teve saldo positivo. Um comerciante me disse que em alguns momentos filas se formaram na frente do trailer”, destacou.

 

Barraqueiros comemoram vendas no evento

 

A comerciante Andressa Dias, que pela primeira vez trabalhou durante o festival, ressaltou as boas vendas e a organização do evento. Já o barraqueiro Reginaldo Rodrigues, que participa desde a primeira edição, considerou que a festa deste ano foi uma das melhores.

 

O morador de Manguinhos Robson dos Santos frisou que o apoio do executivo municipal a ações na área do entretenimento, como ocorreu no Festival do Maracujá, reflete em benefícios para a economia local. “Nós precisamos disso aqui em SFI. O investimento na festa alavanca o comércio são franciscano”, disse.

 

A Associação dos Moradores de Travessão de Barra (Amoratra) foi a responsável pela sistematização de todo o evento, administrando as barracas e o estacionamento. “Sem a parceria com a prefeitura esta festa não aconteceria. Agradeço a Francimara e ao Augusto pelo apoio. A festa está linda. A população ansiava para que ela acontecesse, e aconteceu melhor do que o esperado”, afirmou a presidente da Amoratra, Cirene de Souza.

 

Com informações da Ascom SFI

 







 
 

 

 

Leia mais em LAZER E CULTURA