SOBRE     |     FALE CONOSCO

GERAL

Tripulantes de barco de pesca de SFI são resgatados após embarcação se chocar com plataforma

POSTADO EM 02/11/2017 13:47:00 POR: VNOTÍCIA
Foto: ilustração internet
Foto: ilustração internet

 

Cinco tripulantes de um barco pesqueiro de Barra do Itabapoana, norte de São Francisco de Itabapoana, se salvaram após a embarcação se chocar com uma Plataforma Namorado 1 (PNA-1), no Campo de Namorado, da Bacia de Campos, na noite desta quarta-feira, 1º de novembro, por volta das 20 horas.

 

O barco Aratu VI pertence ao empresário Carlinhos Aratu, pai do vereador Raliston Souza. O VNOTÍCIA conversou com o vereador por telefone. Raliston disse que dos cinco tripulantes, um voltou de carona para Barra do Itabapoana em outro barco de pesca e já está em casa; enquanto os outros quatro passaram a noite na plataforma e foram levados para Macaé de helicóptero na manhã desta quinta-feira.

 

Os quatro tripulantes foram encaminhados para o Hospital Público de Macaé, sendo que três já tiveram alta e um está em observação, pois apresenta um quadro de pressão alta.

 

Segundo Raliston, o acidente aconteceu quando o pescadores pescavam próximo à plataforma. “Eles pescavam curricando, ou seja, com o barco em movimento, pois o tipo de pescaria que eles faziam no momento necessitava da isca em movimento. De repente deu entrada de ar no motor e a embarcação ficou a deriva. Os tripulantes não conseguiram a tempo acionar o motor e as ondas jogaram o Aratu VI contra um das bases da plataforma”, explicou Raliston.

 

Ainda de acordo com o vereador, três tripulantes utilizaram um bote salva-vidas e abandonaram o barco; enquanto outros dois pescadores conseguiram pular e se agarrar às ferragens da plataforma. Esses dois pescadores, além de outros dois que estavam no bote salva-vidas foram resgatados pela plataforma; enquanto o terceiro tripulante do bote salva-vidas foi o que voltou para Barra do Itabapoana de carona em outro pesqueiro.

 

“Já mandamos um carro com parentes para acompanhar os tripulantes em Macaé e estamos dando assistência aos familiares. Prejuízo material se repõe, o mais importante é que as vidas dos pescadores foram preservadas”, disse Raliston.

 

Ainda de acordo com Raliston, o barco deu perda total. Os destroços do Aratu VI estão próximos à plataforma. Parte desses destroços está submersa.

 

Segundo a presidente da Colônia de pescadores Z1, Diviane Chagas, a equipe da filial da Colônia em Barra do Itabapoana trabalhou muito nesse caso na noite desta quarta, através da Estação de Rádio em Barra. “Nossa equipe trabalhou até quase a uma hora da madrugada. Fizemos o comunicado às famílias e levantamos os nomes e os documentos de todos os tripulantes. Apesar do susto, foi um alívio saber que todos estão bem”, disse Diviane.

 

 

Leia mais em GERAL