SOBRE     |     FALE CONOSCO

GERAL

Dez postos abertos neste sábado em SFI para o Dia D de vacinação contra a gripe

POSTADO EM 11/05/2018 16:23:00 POR: VNOTÍCIA
Público alvo que ainda não se vacinou deve se dirigir aos locais para se imunizar (Foto: Wagner Frag
Público alvo que ainda não se vacinou deve se dirigir aos locais para se imunizar (Foto: Wagner Frag

Neste sábado (12), acontecerá em todo o país o Dia D de mobilização nacional para vacinação contra gripe. Em São Francisco de Itabapoana (SFI), a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) disponibilizará 10 postos para que os moradores sejam vacinados.

 

Os locais onde a vacina estará disponível serão: Clínica da Família Germano Barros Delgado, na área central; Hospital Municipal Manoel Carola (HMMC), em Ponto de Cacimbas; além das Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Barra do Itabapoana, Buena, Gargaú, Guaxindiba, Imburi, Praça João Pessoa, Santa Clara e Travessão de Barra. Os pontos funcionarão entre 8h e 16h.

 

Segundo o coordenador de Imunização da SMS, Cristiano de Souza, é preciso apresentar o Cartão do Sistema Único de Saúde (SUS) e o Registro Geral (RG). “Em média, 30 funcionários estarão atuando para atender a população. Pedimos que os munícipes participem para serem imunizados”, destacou.

 

O secretário municipal de Saúde, Sebastião Campista, informou que a vacina contém antígenos contra três subtipos da gripe, como H1N1 e H3N2. Ele salientou que a dose é segura e previne possíveis complicações originárias da síndrome gripal.

 

Público-alvo — A imunização é destinada a gestantes em qualquer período da gestação, adultos a partir de 60 anos, crianças de seis meses a menores de cinco anos, mulheres com até 45 dias após o parto, trabalhadores da área da saúde, professores em atividade, que mostrem comprovante de exercício da profissão, e pessoas com doenças crônicas que apresentem prescrição médica comprovando a necessidade de receber a vacina.

 

Casos — No Rio de Janeiro, a estimativa é que aproximadamente 4,5 milhões de pessoas sejam vacinadas até o final da campanha. Em todo Estado, até 16 de abril, foram notificados 167 casos confirmados de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) em pacientes internados em Unidade de Terapia Intensiva (UTI), sendo quatro deles causados pelo vírus H1N1 e 13 provocados pelo vírus H3N2. No mesmo período foram notificados 18 óbitos por SRAG, sendo um por H3N2.

 

Ascom SFI

 

Leia mais em GERAL