SOBRE     |     FALE CONOSCO

POLÍTICA

Governador em exercício Cláudio Castro faz mudanças no primeiro escalão

Citados pelo MPF são exonerados; veja que sai e quem entra no Governo Fluminense

POSTADO EM 16/09/2020 16:31:00 POR: VNOTÍCIA
Cláudio Castro, governador em execício (Luciano Belford/Agência O Dia)
Cláudio Castro, governador em execício (Luciano Belford/Agência O Dia)

O governador em exercício do Estado do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, fez uma série de mudanças no primeiro escalão do Governo Fluminense esta semana. Foram trocados titulares da Secretaria da Polícia Civil, Gabinete de Segurança Institucional, Procuradoria Geral do Estado, Controladoria Geral do Estado, Secretaria de Ciência e Tecnologia, Secretaria e Inovação Secretaria das Cidades.

 

- Agradeço e desejo sorte aos profissionais que estiveram conosco ao longo deste tempo trabalhando em prol do Governo do Estado. Aproveito para dar as boas-vindas aos que chegam para nos apoiarem nesta missão de trabalhar pela recuperação do Rio - ressaltou o governador.

 

Veja como foram as trocas

 

Polícia Civil

 

Sai o delegado Flávio Brito e assume Allan Turnowski. O delegado Allan Turnowski está na Polícia Civil desde o concurso de 1997. Ele já foi chefe de Polícia Civil entre 2009 e 2011. Até então, era o diretor-geral de Polícia da Capital. Allan tem curso de antiterrorismo da Polícia de Louisiana e curso da SWAT, do governo dos EUA.

 

Procuradoria-Geral do Estado

 

Bruno Dubeux substitui Reinaldo Silveira. O procurador do Estado do Rio, Bruno Dubeux, entrou no concurso público de 2004.  Foi presidente da Associação dos Procuradores do Estado do Rio de Janeiro. É mestre em Políticas Públicas e Processo, com formação Avançada em Negociação e Tomada de Decisões pela Harvard Kennedy School of Government. Também é líder sênior do Setor Público pela Harvard Kennedy School of Government, além de membro do Conselho Superior da PGE-RJ e conselheiro da OAB/RJ.

 

Controladoria Geral do Estado

 

O novo controlador é Francisco Ricardo Soares, que assume o lugar de Hormindo Bicudo Neto. Francisco Ricardo Soares é especialista em compliance e gestão bancária. Ele foi funcionário de carreira do Banco do Brasil por 34 anos. Nos últimos cinco anos, foi superintendente do Banco do Brasil. Tem vários cursos e certificações de fundos de investimentos.  

 

Gabinete de Segurança Institucional

 

O delegado federal Marcelo Bertolucci assume no lugar do contra-almirante José Luiz Corrêa. Marcello Bertolucci está na Polícia Federal desde 1996. Ele foi chefe da Unidade de Repressão a Crimes Eleitorais da Divisão de Combate ao Crime Organizado-DICOR/Brasília/Sede/PF, em 2018. Cedido ao Estado do Rio em 2019, desempenhou as funções de Vice-presidente do Detran/RJ; Presidente do Detran/RJ e, até então, ocupava o cargo de subsecretário de Administração da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão. Tem pós-graduação em Direito Penal e Processual Penal.

 

Ciência, Tecnologia e Inovação

 

Leonardo Rodrigues, citado pelo Ministério Público Federal como um dos integrantes de um suposto esquema de desvio de verba pública, entregou sua carta de exoneração nesta terça-feira, 15. No lugar dele o governador em exercício nomeou Maria Isabel de Castro de Souza.

 

Doutora em Odontologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, Maria Isabel foi subsecretária de Ciência e Tecnologia/SECTIDS/RJ e presidente da Faperj. Tem experiência em Odontopediatria, Saúde Coletiva e Telessaúde.

 

Cidades

 

Juarez Fialho da Silva Junior, até então secretário das Cidades, também foi exonerado nesta quarta. Ele é tesoureiro do PSC e, segundo o Ministério Público Federal, dono de uma empresa offshore que supostamente foi usada para ocultar dinheiro ilícito do grupo comandado pelo presidente nacional do PSC, Pastor Everaldo. O pastor também está preso. Juarez foi substituído por Uruan Cintra de Andrade.

 

Engenheiro formado pela Universidade Gama Filho, Uruan, tem experiência nas áreas de Gestão, Comercial, Operacional e de Equipamentos da extinta Telerj. Também foi gestor de Projetos Estratégicos de Infraestrutura no Detran-RJ. Assumiu a presidência do Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Rio de Janeiro (DER-RJ) em janeiro de 2019, trabalhando desde então na revitalização da malha rodoviária do estado.

 

Parte das exonerações e nomeações foi publicada no diário oficial de terça-feira, 15, e parte na edição desta quarta-feira, 16.

 

Mudanças administrativas

 

Além das trocas, o governador iniciou a primeira etapa de mudanças administrativas que fazem parte do pacote de austeridade anunciado no fim do mês passado. Para reduzir gastos, as secretarias de Vitimados e Extraordinária da Covid, o RioPrevidência e o Instituto Rio Metrópole perderão status e passarão a compor estrutura de outras secretarias. A medida vai garantir equilíbrio das finanças do Estado, com redução prevista de 40% dos cargos comissionados.

 

De acordo com o novo planejamento, a antiga Secretaria de Vitimados passa a fazer parte da estrutura da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos. O RioPrevidência ficará subordinado à Secretaria de Fazenda. A Secretaria de Saúde recebe a antiga Secretaria Extraordinária da Covid. Já o Instituto Rio Metrópoles será incluído na estrutura da Secretaria das Cidades.

  

Leia mais em POLÍTICA